• qui. set 23rd, 2021

Com Saber e Saúde

Dicas de Saude – dietas – regimes – alimentaçao

Gastroenterite: o que é, sintomas, causas e como tratar

Byadmin

set 8, 2021
Gastroenterite: o que é, sintomas, causas e como tratar

A gastroenterite é uma condição relativamente comum que acontece quando o estômago e o intestino ficam inflamados devido a uma infecção por vírus, bactérias ou parasitas, resultando em sintomas como dor de barriga, náuseas e diarreia.

Na maior parte das vezes, a gastroenterite acontece por ingestão de alimentos estragados ou contaminados, mas também pode surgir após o contato próximo com outra pessoa com gastroenterite ou por colocar as mãos na boca depois de tocar numa superfície contaminada.

Um dos cuidados mais importantes durante uma gastroenterite consiste em beber bastante líquidos, pois como podem existir vômitos e diarreia intensa, é normal que exista uma elevada perda de água corporal, podendo causar desidratação. Além disso, deve-se ainda fazer uma dieta leve para permitir que o sistema gastrointestinal descanse e se recupere.

Principais sintomas

Os sintomas de gastroenterite podem surgir minutos após o consumo do alimento contaminado, quando existem toxinas produzidas pelo microrganismo, ou demorar até 1 dia quando o agente infeccioso está presente no alimento. Os principais sinais e sintomas indicativos de gastroenterite são:

  • Diarreia intensa e repentina;
  • Mal-estar geral;
  • Dor de barriga;
  • Náuseas e vômitos;
  • Febre baixa e dor de cabeça;
  • Perda de apetite.

A maioria dos casos de gastroenterite por vírus e parasitas melhoram após 3 ou 4 dias, sem necessidade de um tratamento específico, tendo apenas cuidado para fazer uma dieta leve, beber muitos líquidos e ficar de repouso. Já os casos de gastroenterite bacteriana são mais demorados e podem até necessitar de antibióticos para apresentar melhora nos sintomas.

Teste online de gastroenterite

Se acha que pode estar com gastroenterite, selecione o que está sentindo para saber qual o seu risco:

  • 1. Diarreia intensa Não Sim
  • 2. Fezes com sangue Não Sim
  • 3. Dor abdominal ou cólicas frequentes Não Sim
  • 4. Enjoos e vômitos Não Sim
  • 5. Mal estar geral e cansaço Não Sim
  • 6. Febre baixa Não Sim
  • 7. Perda de apetite Não Sim
  • 8. Nas últimas 24h comeu algum alimento que pudesse estar estragado? Não Sim
  • 9. Nas últimas 24h comeu fora de casa? Não Sim
  • Imagem que indica que o site está carregando

    Principais causas de gastroenterite

    A gastroenterite é mais frequente em crianças e idosos devido à ingestão de alimentos estragados ou contaminados, mas também pode acontecer por colocar na boca a mão suja, no entanto nessa situação a gastroenterite só se desenvolve quando existe alta carga infecciosa.

    Assim, após o consumo de alimentos contaminados ou estragados, é possível que as toxinas produzidas pelos microrganismos causem irritação da mucosa gástrica e chegue à corrente sanguínea, e que vírus, bactérias ou parasitas desenvolvam-se no organismo e leve ao desenvolvimento dos sinais e sintomas.

    Dependendo do tipo de gastroenterite, os microrganismos que podem estar na origem da gastroenterite são:

    • Gastroenterite viral, que pode ser principalmente causada por Rotavírus, Adenovírus ou Norovírus;
    • Gastroenterite bacteriana, que pode ser causada por bactérias como Salmonella sp., Shigella sp., Campylobacter sp., Escherichia coli ou Staphylococcus aureus;
    • Gastroenterite parasitária, que é mais comum em lugares com poucas condições de higiene, sendo normalmente relacionada com os parasitas Giardia lamblia, Entamoeba coli e Ascaris lumbricoides.

    Além disso, a gastroenterite pode acontecer como consequência da ingestão ou contato com substâncias tóxicas químicas ou ser decorrente do uso de medicamentos.

    Como tratar a gastroenterite

    A maior parte dos casos de gastroenterite melhoram em casa, sem ser necessário ir ao hospital para fazer um tratamento específico. No entanto, em pessoas com o sistema imune enfraquecido ou quando a gastroenterite está sendo provocada por uma bactéria mais resistente pode ser preciso começar um antibiótico ou até ficar internado no hospital para repor os líquidos perdidos com os vômitos e diarreia.

    O tratamento da gastroenterite envolve muito repouso e reposição de líquidos com sais de reidratação oral ou soro caseiro, água e água de coco. A alimentação deve ser leve e de fácil digestão para oferecer os nutrientes necessários, sem provocar vômito ou diarreia. É importante evitar frituras, café e alimentos com muitas fibras como pão, mamão ou sementes, para aliviar os sintomas da gastroenterite e melhorar a inflamação do sistema digestivo.

    O consumo de medicamentos para interromper o vômito e a diarreia só deve ser feito com a recomendação do gastroenterologista, pois isto pode causar piora da infecção. No entanto, os suplementos probióticos podem ser usados para regular a flora bacteriana, especialmente depois de se estar recuperado da gastroenterite.

    Confira no vídeo a seguir mais dicas do que comer e beber para combater a gastroenterite mais rapidamente:

    Imagem representativa do vídeo

    Como prevenir

    Para evitar a infecção e, consequentemente, o desenvolvimento de gastroenterite é importante lavar bem as mãos depois de utilizar o banheiro ou antes de cozinhar, evitar partilhar talheres e outros objetos com pessoas doentes, manter as superfícies limpas em casa, principalmente na cozinha, evitar comer carne e peixe crus ou vegetais não lavados.

    Além disso, nas crianças também existe um elevado risco de pegar gastroenterite através da infecção com um vírus conhecido como rotavírus. Nesses casos, é recomendado fazer a vacinação contra o vírus, o que normalmente pode ser feito ainda durante o primeiro ano de vida. Saiba quando tomar a vacina contra o rotavírus.