• ter. out 19th, 2021

Com Saber e Saúde

Dicas de Saude – dietas – regimes – alimentaçao

Artrose nas mãos e dedos: sintomas, causas e tratamento

Byadmin

set 7, 2021
Artrose nas mãos e dedos: sintomas, causas e tratamento

A artrose nas mãos e nos dedos, também chamada de osteoartrite ou osteoartrose, ocorre devido ao desgaste nas cartilagens das articulações, aumentando o atrito entre os ossos das mãos e dos dedos, o que leva a sintomas de dor e rigidez, dificultando a realização de movimentos simples e atividades do dia a dia. Nos casos mais avançados, podem ocorrer formação de nódulos no meio das articulações.

Além disso, a artrose das mãos e dos dedos pode causar alterações nos ossos e nos tecidos em volta da articulação que mantêm a articulação unida e prendem o músculo ao osso, o que causa inflamação e dor.

Esta condição pode ser bastante limitante, principalmente quando acomete as duas mãos, e, por isso, ao apresentar algum sintoma, deve-se consultar um ortopedista ou reumatologista para diagnóstico e tratamento mais adequado.

Principais sintomas

Os sintomas da artrose nas mãos e dedos geralmente se desenvolvem lentamente e pioram com o tempo, e incluem:

  • Dor na mão ou nos dedos, que pode ser mais intensa ao acordar e diminui ao longo do dia, porém com a progressão da doença a dor pode ocorrer o dia todo;
  • Rigidez nas articulações das mãos e dedos, mais perceptível ao acordar ou após ficar muito tempo sem movimentar as mãos ou os dedos;
  • Aumento da sensibilidade das articulações das mãos e dos dedos, que podem ficar sensíveis quando é aplicada uma leve pressão na articulação ou próximo a ela;
  • Perda de flexibilidade, que dificulta a realização de movimentos simples, como pegar um objeto ou escrever, por exemplo;
  • Inchaço nos dedos causado pela inflamação ao redor da articulação;
  • Formigamento das mãos ou nos dedos, mesmo em repouso.

Além disso, pode ser verificada a formação de nódulos nas articulações, como o nódulo de Heberden, que é formado na articulação final dos dedos, e o nódulo de Bouchard, que é formado na articulação do meio dos dedos.

O diagnóstico da artrose das mãos deve ser feito por um ortopedista ou reumatologista baseado em exame clínico em que são avaliados os sintomas apresentados pela pessoa, e avaliação do histórico pessoal e familiar de saúde.

O médico normalmente indica a realização de exames complementares como o raio-X, em que são verificadas as alterações ósseas, tomografia computadorizada e ressonância magnética, para verificar o grau de degaste da articulação e, assim, confirmar o diagnóstico e indicar o melhor tratamento.

Possíveis causas

A artrose nas mãos e dedos é causada principalmente devido à esforços repetitivos, sendo mais comum de acontecer em pessoas que usam muito a articulação das mãos, como trabalhadores da construção civil, costureiras, pessoas que realizam trabalhos domésticos ou atletas que praticam esportes que necessitem esforço das mãos.

Esta condição é mais frequente em pessoas que têm parentes na família com artrose, idosos e mulheres na menopausa, devido ao envelhecimento natural da cartilagem.

Além disso, doenças inflamatórias ou auto-imunes, como lúpus eritematoso sistêmico e artrite reumatoide, além de doenças metabólicas como a hemocromatose, podem favorecer a rigidez das articulações das mãos, resultando em artrose. Conheça outras causas de artrose.

Como é feito o tratamento

O tratamento para artrose nas mãos e nos dedos é feito de acordo com os sintomas apresentados e tem como objetivo aliviar a dor, melhorar a rigidez e ajudar a melhorar a movimentação.

O tratamento deve ser indicado pelo médico e pode ser feito com:

1. Uso de medicamentos

Os medicamentos para o tratamento da artrose nas mãos e dedos incluem analgésicos como paracetamol ou anti-inflamatórios como ibuprofeno ou naproxeno, pois ajudam a controlar a dor e a inflamação nas articulações.

Outro medicamento que pode ser indicado pelo médico é a duloxetina, um antidepressivo, que também é indicado para tratamento da dor crônica causada pela artrose das mãos e dedos. Veja mais opções de medicamentos para a artrose.

2. Fisioterapia

A fisioterapia para artrose nas mãos e dedos ajuda a fortalecer os músculos ao redor da articulação, aumenta a flexibilidade e reduz a dor. Este tratamento deve ser orientado por um fisioterapeuta que indicará os exercícios mais adequados de acordo com o estágio da artrose e de forma individualizada. O fisioterapeuta, também pode passar exercícios para serem feitos em casa para complementar o tratamento fisioterápico, além recomendar aplicar gelo ou calor na região para aliviar os sintomas da artrose.

Assista o vídeo com a fisioterapeuta Marcelle Pinheiro com exercícios de fisioterapia para artrose:

Imagem representativa do vídeo

3. Infiltração nas articulações

A infiltração nas articulações das mãos ou dedos pode ser feita com injeção de medicamentos corticoides ou ácido hialurônico, em casos selecionados, e devem sempre ser indicadas e feitas pelo médico que faz o acompanhamento da pessoa.

As injeções de corticoide nas articulações ajudam a melhorar a dor e podem ser feitas de 3 a 4 injeções por ano. Para injetar o corticoide o médico anestesia em volta das articulações da mão ou dos dedos e depois injeta o corticoide.

Já a injeção de ácido hialurônico, que é substância semelhante a um componente normalmente encontrado nas articulações que age como um amortecedor, ajuda a lubrificar as articulações doloridas das mãos ou dos dedos e, por isso, ajuda a aliviar a dor.

4. Cirurgia

A cirurgia para artrose nas mãos ou dedos é indicada apenas para um pequeno número de casos em que os tratamentos não foram eficazes ou quando uma das articulações está gravemente danificada. No entanto, não é possível garantir que a cirurgia elimine totalmente os sintomas e a pessoa ainda poderá continuar a sentir dor e rigidez nas mãos ou nos dedos.