• sáb. dez 4th, 2021

Com Saber e Saúde

Dicas de Saude – dietas – regimes – alimentaçao

Esteatorreia: o que é, como identificar, causas e tratamento

Byadmin

set 5, 2021
Esteatorreia: o que é, como identificar, causas e tratamento

Esteatorreia é o termo utilizado para indicar a presença de gordura nas fezes, o que pode acontecer devido a doenças gastrointestinais que podem interferir na digestão das gorduras, fazendo com que sejam eliminadas nas fezes, que ficam mais esbranquiçadas, volumosas e com cheiro forte.

É importante que assim que for notada a presença de gordura nas fezes, o gastroenterologista seja consultado, pois é importante que seja identificada a causa da alteração e, assim, ser iniciado o tratamento mais adequado, que pode ser feito com medicamentos antibióticos ou anti-inflamatórios, além de ser recomendado que se tenha uma alimentação saudável e pobre em gorduras.

Como identificar a esteatorreia

A esteatorreia é um sintoma de algumas doenças do sistema gastrointestinal, podendo ser identificada principalmente por meio da presença de gordura nas fezes, o que faz com que fiquem mais amareladas ou esbranquiçadas. Além disso, é comum que na esteatorreia as fezes sejam volumosas, com cheiro forte e flutuam na água, podendo também surgirem sintomas de acordo com a causa da esteatorreia, como náuseas, dor abdominal, perda de apetite e de peso.

Para confirmar a presença da gordura nas fezes, é recomendado fazer um exame de fezes para que seja avaliada a quantidade de gorduras e a possível causa da esteatorreia. Para fazer esse exame, é recomendado que a pessoa consuma alimentos ricos em gordura até 3 dias antes da análise e que recolha a amostra de fezes no dia do exame e leve ao laboratório.

Principais causas

A esteatorreia acontece principalmente devido a alterações no processo digestivo ou na absorção de gordura no intestino, o que faz com que a gordura seja eliminada nas fezes. Algumas das principais situações em que pode haver a esteatorreia são:

  • Doença celíaca;
  • Doença de Crohn;
  • Pancreatite;
  • Fibrose cística;
  • Giardíase;
  • Doença de Whipple.

Além disso, é comum haver esteatorreia após cirurgias do trato gastrointestinal, já que pode ter como consequência a alteração no processo de absorção de gordura. Conheça mais sobre as causas da esteatorreia.

Como é feito o tratamento

O tratamento para esteatorreia deve ser indicado pelo gastroenterologista de acordo com a causa, estado geral de saúde da pessoa e outros sintomas apresentados pela pessoa. Assim, pode ser recomendado pelo médico o uso de antibióticos, anti-inflamatórios ou corticoides, além de repouso em alguns casos.

Além disso, é recomendado pelo médico que a pessoa siga uma alimentação saudável, de fácil digestão e pobre em gorduras, pois assim é possível que os sintomas sejam aliviados mais facilmente, além de diminuir a gordura nas fezes.