• ter. set 21st, 2021

Com Saber e Saúde

Dicas de Saude – dietas – regimes – alimentaçao

Nitrato de miconazol: para que serve e como usar

Byadmin

ago 25, 2021
Nitrato de miconazol: para que serve e como usar

O nitrato de miconazol é um remédio antifúngico que age inibindo o crescimento de fungos, especialmente da espécie Candida, que podem causar micose na pele, unhas, virilha, ou mucosas como boca, garganta ou órgãos genitais, e por isso é indicado para o tratamento da candidíase oral ou genital, ou micose de pele, por exemplo.

Este remédio pode ser encontrado em farmácias ou drogarias, na forma de pomada, pó ou spray para para o tratamento de infecções fúngicas da pele, gel oral para micose na boca, ou creme ginecológico para candidíase vaginal ou anal, com os nomes comerciais Vodol ou Daktarin gel oral, ou na forma de genérico como nitrato de miconazol. 

O nitrato de miconazol deve ser usado com indicação e orientação do médico, que deve orientar o uso da pomada, creme, pó, spray ou gel oral, de acordo com o tipo de micose a ser tratada.

Para que serve

O nitrato de miconazol é indicado no tratamento de infecções por leveduras e fungos dermatófitos patogênicos. Assim, é principalmente indicado no tratamento de infecções na vulva, vagina ou região perianal causada pela levedura Candida sp., que causa coceira intensa, vermelhidão, ardência e corrimento vaginal branco, sendo normalmente indicado nesse caso o creme vaginal. Saiba como identificar a candidíase

Esse remédio também é indicado para tratar infecção da pele causadas por fungos como Tinea pedis (responsável pelo pé de atleta), Tinea cruris (responsável pela micose na região da virilha), Tinea corporis e onicomicoses, que são as infecções nas unhas por fungos, causadas pelo Trichophyton, Epidermophyton e Microsporum, cromofitose e Tinea versicolor, também chamada de pitiríase versicolor, que é causada pelo fungo Malassezia furfur.

Como usar

A forma de uso do nitrato de miconazol pode variar de acordo com o objetivo do tratamento e forma de apresentação do agente antifúngico.

1. Creme vaginal

O creme vaginal de nitrato de miconazol é indicado no tratamento da candidíase e deve ser utilizado com os aplicadores contidos na embalagem junto com o creme, que têm uma capacidade para cerca de 5 g do medicamento. A utilização do medicamento deve seguir os seguintes passos:

  • Preencher a parte interna do aplicador com o creme, adaptando-o no bico da bisnaga e apertando o seu fundo;
  • Introduzir o aplicador delicadamente na vagina, o mais profundamente possível;
  • Empurrar o êmbolo do aplicador para que este fique vazio e o creme seja depositado no fundo da vagina;
  • Remover o aplicador;
  • Descartar o aplicador, caso a embalagem contenha com a quantidade suficiente para o tratamento.
  • O creme deve ser usado de preferência à noite, por 14 dias seguidos, ou conforme orientação do médico. Durante o tratamento, devem ser mantidas as medidas habituais de higiene e adotadas outras medidas, como manter a região íntima seca, evitar compartilhar toalhas, evitar o uso de roupas apertadas e sintéticas, evitar alimentos com açúcar e beber bastantes líquidos ao longo do dia. Saiba mais sobre o tratamento, receitas caseiras e cuidados durante o tratamento da candidíase

    2. Pomada, pó ou spray

    A pomada, pó ou spray de nitrato de miconazol é normalmente indicado no tratamento de infecções na pele por fungo. Nesses casos, é recomendado lavar e secar bem o local a ser tratado antes da aplicação do medicamento e, em seguida, aplicar a pomada, o pó ou o spray no local 2 vezes por dia, espalhando sobre uma área um pouco maior que aquela que está afetada.

    O tratamento normalmente dura entre 2 a 5 semanas, até que os sintomas desapareçam completamente. Se após esse período, os sintomas se mantiverem, é aconselhado consultar um dermatologista para avaliar o problema e seja avaliada a necessidade de alterar o tratamento.

    3. Gel oral

    O nitrato de miconazol gel oral, deve ser aplicado diretamente na mucosa da boca, com o auxilio de um cotonete ou uma gaze limpa e seca, espalhando o gel sobre a área afetada. É importante manter o gel na boca o maior tempo possível, evitando engolir de imediato.

    As doses normalmente recomendadas do nitrato de miconazol gel oral são:

    • Bebês de 6 a 24 meses: aplicar ¼ de colher de chá, que corresponde a 1,25 mL do gel, 4 vezes por dia, ou seja a cada 6 horas;
    • Adultos e crianças com 2 anos ou mais: aplicar ½ colher de chá, que corresponde a 2,5 mL do gel, 4 vezes por dia.

    O tempo de tratamento com nitrato de miconazol gel oral deve ser orientado pelo médico, e é recomendado manter o tratamento por pelo menos uma semana após o desaparecimento dos sintomas. 

    Possíveis efeitos colaterais

    Apesar de ser raro, o nitrato de miconazol pode causar algumas reações, como irritação local, coceira e sensação de ardor e vermelhidão na pele. Nestes casos, é recomendado lavar o local em que a substância foi aplicada e consultar o médico.

    O gel oral de nitrato de miconazol também pode causar náusea, vômito, perda do paladar ou paladar anormal, boca seca ou desconforto na boca.

    Além disso, o nitrato de miconazol pode causar reações alérgicas graves que necessitam de atendimento médico imediato. Por isso, deve-se interromper o tratamento e procurar o pronto socorro mais próximo ao apresentar sintomas como dificuldade para respirar, sensação de garganta fechada, inchaço na boca, língua ou rosto, formação de bolhas na pele ou urticária. Saiba identificar os sintomas de reação alérgica grave.

    Quem não deve usar

    O nitrato de miconazol não deve ser usado por mulheres grávidas ou em amamentação, ou por pessoas que tenham alergia ao nitrato de miconazol ou outros antifúngicos como fluconazol, cetoconazol, miconazol ou itraconazol, por exemplo.